#SomenteUnidos: ONU lança campanha por acesso às vacinas e importância da prevenção

O secretário-geral da ONU, Antonio Guterres, no lançamento da campanha: “Somente unidos, podemos reviver nossas economias. Somente unidos, podemos acabar com esta pandemia e nos recuperar” (Foto: Reprodução)

Ação no Brasil mobiliza influenciadores e público para postar nas redes sociais com a hashtag #mostresuamáscara

Por Oscar Valporto | ODS 17ODS 3 • Publicada em 11 de março de 2021 - 15:42

Compartilhe

O secretário-geral da ONU, Antonio Guterres, no lançamento da campanha: “Somente unidos, podemos reviver nossas economias. Somente unidos, podemos acabar com esta pandemia e nos recuperar” (Foto: Reprodução)

Liderada pela Organização das Nações Unidas (ONU), a campanha #SomenteUnidos, parte da iniciativa Verificado, é lançada em 11 de março de 2021, um ano depois do início da pandemia. Com a ação, a ONU vem apoiar e difundir a urgência do acesso justo e equitativo das vacinas contra a COVID-19 para todos, além de reforçar a importância das medidas de prevenção contra a doença. “Enquanto não temos vacinas para todos, é fundamental mantermos os cuidados de prevenção”, afirma Kimberly Mann, diretora do Centro de Informação das Nações Unidas para o Brasil (UNIC Rio), que coordena o projeto Verificado no Brasil.

Para Kimberly, o combate à pandemia do coronavírus só será bem-sucedido se todas as pessoas, de todas as nações, tiverem acesso às vacinas. “Usar a máscara, manter distanciamento social, respeitar esses limites de convivência presencial são as ferramentas que temos até que todos estejam vacinados”, acrescenta a representa da ONU.

Na campanha, o público é convidado a postar nas redes sociais fotos usando máscara facial, acompanhada de um texto pedindo união. O texto sugerido é “Faz um ano que estamos vivendo uma pandemia mundial. Apenas quando todos tiverem acesso às vacinas isso terá fim. Até lá, precisamos nos unir e manter todas as medidas de prevenção: usar máscara, manter o distanciamento social e higienizar as mãos. #SomenteUnidos vamos sair dessa! Participe dessa campanha com a @onubrasil e #MostreSuaMascara”,

Mais de 2,5 milhões de pessoas em todo o mundo morreram de COVID-19, de acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS). No Brasil, mais de 270 mil pessoas já morreram da doença, e 4,32 milhões de pessoas já receberam ao menos uma dose de vacina, segundo dados do consórcio brasileiro de veículos de imprensa.

No lançamento da campanha, o secretário-geral da ONU, Antonio Guterres, disse que “começamos a ver uma luz no fim do túnel”, com a vacina. “As vacinas para covid-19 devem ser consideradas um bem público global. Nenhum país pode superar esta crise isoladamente. Governos e empresas devem compartilhar doses e tecnologia para que o fornecimento vá mais longe e a distribuição seja mais rápida. A Covax, a iniciativa global de vacinas, é a nossa melhor maneira de fazer exatamente isso”, destacou Guterres.

No vídeo de lançamento da campanha, o secretário-geral da ONU enfatiza o lema #SomenteUnidos” #OnlyTogether, em inglês. “Somente unidos, podemos proteger os profissionais de saúde e as pessoas mais vulneráveis do mundo. Somente unidos, podemos reviver nossas economias. Somente unidos, podemos acabar com esta pandemia e nos recuperar”, afirma Antonio Guteress.

A campanha destaca que as vacinas contra a covid-19 podem evitar a morte de pessoas, o surgimento de novas variantes e dão a oportunidade de retomada das economias dos países. Inicialmente, as doses da Covax cobrirão apenas profissionais de saúde e as populações mais vulneráveis.

Até o final de 2021, o programa COVAX pretende oferecer vacinas a quase 30% da população de cada país participante. Esse progresso é pequeno em comparação com os dez países ricos, que possuem quase 80% de todas as vacinas contra a COVID-19. Participante do COVAX, o Brasil optou por receber um volume de doses equivalente a 10% de sua população, cerca de 42 milhões de doses.

O projeto Verificado, coordenado no país pelo Centro de Informação das Nações Unidas para o Brasil (UNIC Rio), em nome das Nações Unidas, tem a colaboração da Purpose, uma das maiores organizações de mobilização social do mundo. O Verificado é uma iniciativa global da ONU que tem o objetivo de combater a infodemia de desinformação em meio à pandemia, compartilhar informações que salvam vidas e orientações baseadas em fatos e histórias de solidariedade global em torno da COVID-19. O site Verificado traz uma galeria de informações verificadas e transmitidas pelas Nações Unidas.

Oscar Valporto

Oscar Valporto é carioca e jornalista – carioca de mar e bar, de samba e futebol; jornalista, desde 1981, no Jornal do Brasil, O Globo, O Dia, no Governo do Rio, no Viva Rio, no Comitê Olímpico Brasileiro. Está de volta ao Rio após oito anos no Correio* (Salvador, Bahia), onde foi editor executivo e editor-chefe. É criador da página no Facebook #RioéRua, onde publica crônicas sobre suas andanças pela cidade.

Newsletter do Colabora

Nossa newsletter é enviada de segunda a sexta pela manhã, com uma análise do que está acontecendo no Brasil e no mundo, com conteúdo publicado no #Colabora e em outros sites.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sair da versão mobile